10 melhores points LGBT em SP

Bares LGBT em São Paulo para fazer o esquenta

1. Cartel 011 / Feed Food 
Quer fazer um passeio diferente em São Paulo? A dica é o Cartel 011, um espaço multicultural em Pinheiros. “Reúne tudo em um só lugar: loja de roupas focadas em young designers, sneakers, galeria de arte e restaurante incrível, que fazem da Cartel 011/Feed Food um lugar imperdível”, conta Cacá.
Rua Artur de Azevedo, 517, Pinheiros, 11/3081-4171, www.cartel011.com.br
2. Igrejinha Bar
Decorado com santinhos, fitas do Senhor do Bonfim, sofás e objetos vintage, esse bar no Baixo Augusta é muito frequentado pelo público jovem e alternativo. “Uma opção para quem gosta de tomar um drink antes de se jogar em algum clube ou festa”, diz. “A trilha é variada, com noites de Black a House music”, complementa. Além disso, o point está a menos de 350 metros do ibis Budget Paulista – hotel confortável e econômico para você descansar pós balada.
Rua Fernando de Albuquerque 302, Consolação, 11/2769-8794, www.igrejinhabar.com.br 
3. Amüse – Food´n´music
Na esquina da Rua Aspicuelta com a Girassol, o Amüse tem a proposta de ser um ponto de encontro de amigos, onde todos possam se sentir em casa. Com decoração moderna e descolada, o ambiente remete aos pubs europeus. A casa tem dois ambientes, um mais intimista, com mesas e poltronas, e outro com pista de dança para quem quer badalar. “O simpático bar na Vila Madalena serve de esquenta para as noites de quartas à sábados”, conta Cacá. (Update: o estabelecimento está permanentemente fechado)
Rua Girassol, 223, Vila Madalena, 11/2548-6605, www.amuse.fm
Hamburgueria em SP

Restaurantes para jantar e conhecer gente nova

4. Restaurante Spot
Nem só de Parada Gay vive a Avenida Paulista. Lá perto está o Spot, um restaurante-bar frequentado por artistas e jovens descolados. “O Bar está sempre repleto de gente bonita, oferece drinks de qualidade e a vista para a Avenida Paulista já vale a visita”. O menu conta com pratos leves da gastronomia contemporânea, com destaque para a terrine de queijo de cabra com legumes. E como o Mercure Jardins está a menos de 900 metros de lá, dá para ir caminhando bem tranquilo pelo bairro, observando as vitrines e o agito da região.
Al. Ministro Rocha Azevedo, 72, Cerqueira Cesar, 11/3283-0946, www.restaurantespot.com.br
5. Ritz
Em um ambiente retrô, com poltronas vermelhas, espelhos na parede e uma porta giratória instalada em 1981, esse restaurante ganhou fama por seus lanches e hambúrgueres bem elaborados. “Um clássico desde anos 80, serve comidinhas deliciosas para um público acima dos 30”.
Alameda Franca, 1088, Jardim Paulista, 11/3088-6808, www.restauranteritz.com.br
Festas lgbt em SP

Para se jogar na noite

6. Club Jerome
“Com 8 meses de funcionamento, o Jerome tornou-se um dos clubes mais legais da cidade e a música eletrônica é o carro-chefe da programação.  Destaco as festas de quartas, “Toilette”, dos DJ´s Felipe Venancio e Edu Corelli, que reúnem um público maduro em busca diversão no meio da semana; às sextas, “Avec Elegance”, sob o comando do DJ Zé Pedro e com convidados ilustres como new faces e modelos; já aos sábados, “Nø Mercy” tem a DJ Marina Dias e o som que vai do house ao Techno”.
Rua Mato Grosso, 398, Higienópolis, 11/2614-6526
Continue vendo as dicas em: Accor Hotels

Deixe uma resposta