Um improviso de emoções

Quando se vai ao cinema assistir um lançamento, muitos de nós ficamos ansiosos pelos efeitos especiais, principalmente quando se trata de um filme de ação. Mas e quando vamos ao teatro? Será que também esperamos efeitos especiais ou apenas que os atores façam uma boa atuação?

Na noite do último domingo (11) a Cia Alkimia conseguiu levar o seu público a outro mundo com a volta do espetáculo IMPRODRAMA, uma apresentação recheada de emoções e simples efeitos de som e luzes, capazes de tirar o fôlego de qualquer um.

A apresentação não segue um roteiro, não possui falas ensaiadas ou atores robóticos que sabem exatamente o que fazer. A proposta é encenar pequenas histórias sugeridas pela própria platéia, que tem a oportunidade de ver fatos da sua vida serem contados de uma maneira engraçada ou triste.

O improviso é o grande ditador desse espetáculo encenado pelos atores Fred Celestino, Daline Silvestre, Letícia Miranda e Carlos Monteiro, que é o idealizador do projeto nascido em 2015, “Ele nasceu através de pesquisas sobre pessoas oprimidas da sociedade. É um espetáculo de muita sensibilidade, respeito e carinho aonde a gente derruba algumas regras das artes cênicas, para ter um contato mais do que direto, para entrar na alma da pessoa”.

Por: Rosângela Tomas

As próximas apresentações aconteceram nos dias 18 e 25 as 19h no Teatro do Ator.

Para mais informações acompanhe a página no Facebook: Peça – Improdrama

Realização: Cia Alkimia

Apoio: DIVE WEB & Produtora WB | Patrocínio: Microlins Campo Limpo

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Deixe uma resposta